segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Puta falta de sacanagem

Fato 1: dieta pré-defesa fail. É isso mesmo. Acho que hoje tô mais gorda que da última vez que escrevi aqui. FODA-SE. Você já experimentou, ao menos a idéia, de que em menos de um mês terá que explicar pra uma banca com 2 doutores, fora a sua orientadora, um trabalho que você fez por 2 anos, e só terá 40 min pra falar tudo?
Fato 2: achar uma roupa pra esse evento tá me tirando a paciência véi. Na boa, acho que esse pessoal que desenha essas roupas devem ser do tipo sadista. Deve gostar de ver a cara das gordas (sim, pq cheinha é a puta que lhe pariu) olhando desesperadamente nas araras pra tentar achar algo que lhes caiba.

Aí você olha uma blusa, linda. Pergunta a mocinha da loja: Até que número vocês trabalham?? 
A resposta da noite, que sambou na minha cara gorda: No máximo 44.

Moça, mocinha lindinha, meu sutiã é 46. Como, caralhos alados eu supostamente deveria caber num manequim 44? Eu tenho peitão sim!
Isso sim é muita falta de sacanagem. É. FALTA de sacanagem. Porque de uma boa sacanagem todo mundo gosta. 

Aí você percebe que em lojas de pessoas normais você não tem chance. Normais sim, porque pra sociedade gordo tem algum tipo de deficiência e deve ser tratado como "tamanhos especiais". Moço, por acaso tem uma APAE pra gordos e eu não tô sabendo??? E assim, eu que sempre digo que tamanho especial de c* é r**a, resolvi engolir meu orgulho e fui em uma certa loja "Plus size", porque tudo em inglês fica menos ofensivo (sóquenão).
Entrei, olhei a única arara com camisas sociais, e tamanho 48/50 só tinha 2 blusas que uma pessoa com menos de 60 anos podia usar sem se sentir no século passado. O preço? A bagatela de 300 e 350 reais cada. 
Ahhhhhhhh, entendi tudo. Todo gordo é rykoh, só pode ser. Oh, wait! Não, eu não sou rica e sou gorda. Fui excluída de mais uma classe. Mais uma falta de sacanagem.

Todo mundo fica aí: "Cadê a barbie negra? Vamos deixar de racismo e mimimi" Okay. Também acho racismo uma merda, mas pqp, que custa tratar gordo feito gente hein???
Que custa fazer pelo menos uma peça pros tamanhos maiores. Sim!!! Sempre sou obrigada a entrar numa loja e me sentir mal porque sou gorda. Mas caralhooooo, eu tenho direito a me sentir tratada feito gente, tá?

Falando um pouco mais sério, acho muita hipocrisia um país que tem cada vez mais o número de obesos aumentando se negar a produzir roupas para essa classe. Ou será que a gente vai ter que andar nu? Hein? Não, porque aí iriam nos prender por atentado violento ao pudor. Seria muita gostosura desfilando por aí.

Vocês que são magros, e ficam se reclamando que também não tem roupa tamanho PP e mimimi, fechem suas boquinhas! Muito mais fácil ir numa costureira e mandar ela DIMINUIR. Agora eu vou fazer o que? Mandar costurar uma EMENDA do lado da blusa???

Ah não! Já sei, vou usar um pano de cobrir bujão, igual minha amiga Alcione:


É fi, a vida de gordo é peso.

=/

6 comentários:

  1. Oi Gi (repara, a pessoa já chega fazendo a intima!)
    Silvia me passou o link do teu blog e eu achei ótimo uma pessoa que escreve sobre um problema tão chato de forma tão bem humorada! :)

    Vou te acompanhar aqui e criar uma página no meu bloguinho para a minha dieta :)

    Beijo =*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabi (tomei a liberdade também tá??)

      Fico muiiito feliz que você tenha curtido o blog. Fique a vontade pra comentar e curiar o quanto quiser!

      Abraço,
      Gi.

      Excluir
  2. Gica tu é uma onda, adorei, mesmo mesmo. Me sinto como você, nem tanto com as blusas, porque o que me sobra de peso me falta de peito né? Não aumentou nenhum pouquinho desde o colégio, tu lembra? kkkkkk Mas pra escolher short ou calça eu sofro viu? Muitas vezes desisto de comprar. Mas é assim mesmo, um dia saio dessa vida. Beijos e beijos, ah e boa sorte com a monografia xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Dêssa!!!
      Pois é... o que te sobra nos quadris me falta desde sempre... Ô vida ingrata!!! kkkkkkkkkkkk
      Mas a gnt supera qq dia desses!!! =D

      Excluir
  3. Gostei! Muuuito bom!!!! "E assim, eu que sempre digo que tamanho especial de c* é r**a, resolvi engolir meu orgulho e fui em uma certa loja "Plus size", porque tudo em inglês fica menos ofensivo (sóquenão)" APROVADÍSSIMO! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brigadão, Clodô!!
      Seja sempre bem-vindo por aqui!
      Abraço!

      Excluir